O que você precisa saber sobre CFTV

CFTV é a sigla para Circuito Fechado de TV, que consiste, basicamente, em um conjunto de câmeras que captam e transmitem imagens para um sistema de gestão de vídeo, estando posicionadas em lugares estratégicos. É um sistema de segurança amplamente utilizado, e cada vez mais acessível.

Antes de buscar uma empresa capaz de auxiliar na instalação de um CFTV eficiente para monitorar o seu patrimônio, é comum que existam muitas dúvidas. Se você está em busca de respostas, saiba que preparamos este artigo para te ajudar! Montamos um resumo com o que você precisa saber sobre o assunto, confira:

CFTV

Tipos de CFTV

Antes de qualquer coisa, saiba que existem sistemas de CFTV que utilizam câmeras analógicas, câmeras IP e câmeras HD-CVI. Nós da Ser-Tel trabalhamos com sistemas de segurança que utilizam câmeras analógicas, infravermelhas e IP. Portanto, vamos desmembrar um pouco mais sobre cada uma delas.

CFTV: analógico

A primeira tecnologia de CFTV que contribuiu para a sua popularização foi chamada de analógica. O sistema analógico é utilizado até hoje, afinal, trata-se de um sistema bastante confiável, além de possuir muitas opções de câmeras e DVRs (Digital Video Recorder, o dispositivo de gravação para onde são transmitidos os sinais das câmeras através da utilização de um cabo coaxial).

As câmeras do CFTV analógico podem ser normais (como câmeras de corpo, mini câmeras, câmeras cilíndricas, e câmeras “dome”), com movimento ou ocultas. Câmeras infravermelho também podem ser utilizadas nesse sistema. Elas são capazes de gravar imagens na escuridão, porém, não são indicadas para serem usadas em lugares onde há muita luminosidade.

Em comparação aos outros sistemas, o analógico é consideravelmente mais barato. No entanto, a qualidade de imagem é inferior se comparada às câmeras IP. Outra desvantagem é a dificuldade de expansão, pois as instalações ficam limitadas ao número de câmeras permitidas pelo DVR.

Se você quer saber mais sobre CFTV com câmeras analógicas da Ser-Tel, ou, se deseja saber mais sobre câmeras infravermelho entre em contato com a Ser-Tel.

CFTV: IP

IP significa “Internet Protocol”. Trata-se de um sistema de câmeras que funcionam utilizando um cabo Ethernet padrão, conectando várias câmeras em conjunto para uma rede local. Isso possibilita que a visualização ou gravação de imagens capturadas pelas câmeras possam ser acessadas através de um computador ou dispositivo móvel conectado à internet, e em mais de um deles ao mesmo tempo. É possível gravar as imagens instalando softwares em servidores capazes de gravar e monitorar muitas câmeras em um único gravador.

Outro benefício deste tipo de câmeras é a possibilidade de utilizar criptografia ou autenticação para que as imagens captadas e enviadas para a rede só sejam visualizadas pelas pessoas habilitadas (o que não é possível, por exemplo, com as câmeras analógicas).

As câmeras IP podem ter diferentes tipos de lentes, o que possibilita a visualização de objetos distantes sem distorção, além da possibilidade de cobrir uma área maior a ser monitorada. Ou seja, a principal vantagem desse sistema de câmeras é a possibilidade de gravação em alta resolução.

Este tipo de CFTV tem se tornado cada vez mais acessível, e a tendência é que se torne o padrão em câmeras de segurança.

Afinal, devo escolher o CFTV analógico ou IP?

Para ajudá-lo a tomar esta decisão, eis uma lista resumindo as principais observações sobre cada um dos sistemas de CFTV apresentados:

Câmeras analógicas

  • São de baixo custo;
  • Há facilidade de compatibilidade entre diferentes fabricantes;
  • Contam com uma maior variedade de modelos;
  • Possuem poucos recursos básicos, como o zoom digital;
  • As imagens não podem ser criptografadas;
  • Não são boas para cobrir uma grande área.

Câmeras IP

  • São de alto custo;
  • O acesso remoto é mais fácil;
  • O custo de instalação pode ser diminuído, utilizando uma rede já existente;
  • As imagens podem ser criptografadas;
  • Requerem banda larga, e consomem muito mais que as câmeras analógicas.

 

Estes são os principais pontos sobre CFTVs, porém, você pode tirar dúvidas específicas entrando em contato com a Ser-Tel!

Links úteis:

cftv;

pabx;

cabeamento estruturado;

biometria rj;

portão automático.