Dicas para evitar o alarme falso

Os alarmes funcionam de um jeito simples: através de sensores, o sistema identifica quando ocorre algum movimento atípico, e aciona a central de monitoramento que, por sua vez, solicita o apoio das autoridades competentes ou do responsável, quando necessário. O alarme falso ocorre quando o painel de controle detecta indevidamente um sinal, e envia um alarme para a central de monitoramento 24 horas. Saber como evitar que isso aconteça é dever tanto de quem monitora quanto do usuário do serviço.

O alarme falso faz com que, por exemplo, uma viatura que poderia estar atendendo a uma real ocorrência seja deslocada até o local, o que é um desperdício de tempo e recursos públicos. Além disso, causa incômodo para vizinhos.

O alarme falso também traz como consequência a falta de credibilidade nos aparelhos e serviço de monitoramento. De fato, pode ser que algum problema no equipamento ou má qualidade do produto seja uma das causas, porém, um alarme falso pode levar à conclusão errada de que o sistema não funciona quando está operando perfeitamente bem. Por isso, a manutenção preventiva é importantíssima.

A maior parte dos alarmes falsos é causada pelos próprios usuários, então é preciso ficar sempre atento. Aqui vão algumas dicas:

Desligue o ventilador e ar-condicionado

A movimentação devido à correntes de ar ou variação de temperatura podem acionar os alarmes.

Feche bem portas e janelas.

Ao sair de casa ou da empresa, verifique se as portas e janelas estão bem fechadas, pois qualquer movimentação de cortinas, entrada e saída de animais, ou corrente de ar pode provocar um alarme falso.

Cuidado com os animais de estimação

Evite que seus animais tenham acesso às zonas de monitoramento.

Não deixe objetos pendurados próximos aos sensores

Qualquer movimentação próxima dos sensores pode desencadear o alarme.

Mantenha o ambiente livre de insetos e roedores

Insetos como formigas, baratas, borboletas, e etc. podem acionar os sensores infravermelhos. Os roedores, além de acionar os sensores de movimento, podem roer a fiação e danificar o sistema de alarme.

Cuidado ao entrar no ambiente monitorado

Confira sempre o tempo que se leva para entrar no ambiente monitorado antes que o alarme residencial seja acionado. Entre pela área temporizada, para que possa desligar o alarme.

Guarde bem os acionadores de controle remoto

Deixe-os longe de bolsas, gavetas, locais onde crianças tenham fácil acesso ou qualquer local onde possam ser pressionados sem intenção.

Gostou das dicas para evitar alarmes falsos?

Conheça mais sobre nosso sistema de monitoramento 24 horas e outros produtos e serviços. Trabalhamos com equipamento de qualidade. Tire suas dúvidas e faça já seu orçamento.

Links úteis:

cftv;

pabx;

cabeamento estruturado.